Categorias
Empreendedorismo

O que é um marketplace

Não é de hoje que as compras online se tornaram uma grande vantagem para os consumidores, seja pela comodidade, pela facilidade ou até mesmo pelos preços reduzidos. Com a criação desse novo hábito de consumo, as empresas também estão podendo aproveitar a internet para aumentar seus lucros e em diversos casos, muitas empresas acabam optando por vender apenas online.

Quando se fala em vendas online, não há como deixar de mencionar os marketplaces, que têm se tornando um grande aliado dos comerciantes na hora de vender online.

Mas e você, sabe o que é um marketplace? Acompanhe os detalhes a seguir e saiba o que significa e como ele funciona.

O que é um marketplace?

Marketplace é basicamente um local comparado a um shopping center, ou seja, um local onde diversas empresas podem se instalar e receber os seus clientes.

Na internet, um bom exemplo de marketplace é o Mercado Livre

Isso significa que as empresas podem criar suas contas no site e passar a comercializar seus produtos. O Mercado Livre, por sua vez, apenas realiza a intermediação entre vendedor e consumidor e fornece opções de pagamentos.

Um marketplace pode ser segmentado ou amplo. Isso significa que um marketplace pode ser focado em determinado produto ou serviço ou pode simplesmente vender uma variedade de mercadorias, como é o caso do Mercado Livre. Vejamos alguns tipos e exemplos de marketplaces:

  • Empresas (B2B – Business to Business)
  • Empresas-Consumidores (B2C – Business to Consumer)
  • Consumidores-Consumidores (C2C – Consumer to Consumer)
  • Empresas-Governo (B2G – Business to Government)
  • Governo-Cidadão (G2C – Government to Citizen)

Exemplos de marketplaces comuns na internet:

ELO7: Voltado para o segmento de artesanatos.

Ebay: Variedades de produtos novos e usados

Alibaba: Variedade de produtos para importadores de todo o mundo

Airbnb: Focado no segmento de hospedagens (acomodações comunitárias).

OLX: Variedade de produtos (usados em sua grande maioria).

Upwork: Focado na comercialização de serviços (tradução, design, produção de conteúdo, entre outros).

Vantagens de um marketplace

Agora que você já sabe o que é um marketplace, deve estar se perguntando: O que a minha empresa ganha com isso? E para responder a essa pergunta, confira abaixo algumas vantagens:

Marketing: Uma das grandes vantagens de se ingressar em um marketplace é o aumento de visibilidade da empresa. Isso significa que marketplaces como o Mercado Livre, ELO7, entre outros, já investem fortemente na geração de tráfego online. Deste modo, isso pode lhe ajudar a melhorar ainda mais a visibilidade da sua empresa, principalmente se você já tiver uma loja virtual integrada ao marketplace.

Em comparação, se você atuar apenas com sua loja virtual, será necessário investir em tráfego para que os usuários possam conhecer a sua marca.

Baixo investimento: Se sua empresa ainda não realiza vendas online, o marketplace pode ser uma excelente maneira de começar com baixo investimento. Ou seja, em vez de investir em um e-commerce, você pode optar por uma plataforma pronta para fazer upload dos seus produtos e começar as vendas.

Segurança: Vender online requer que o comerciante invista na segurança da sua loja virtual para proteger os dados de seus clientes contra ataques de hackers (o que infelizmente tem se tornado muito comum). Por outro lado, ao optar por um marketplace, você simplesmente não precisará se preocupar, pois os marketplaces mais comuns contam com tecnologia adequada para vender com segurança.

Formas de pagamento: Todo pequeno empresário conhece as dificuldades em disponibilizar opções diferenciadas de pagamento para os seus clientes. Contudo, ao optar por um marketplace, é possível contar automaticamente com os formatos mais comuns, ou seja, boleto, cartão de crédito, débito em conta, entre outros.

Concorrência: Competir com grandes empresas realmente é uma tarefa difícil e, mesmo dentro de um marketplace essa tarefa também pode não ser fácil. No entanto, existe sim a possibilidade de se destacar das demais empresas e para isso, é fundamental criar estratégias de precificação, frete e promoções.

Como pequenos diferenciais é possível tornar a sua empresa única dentro do marketplace. Atendimento diferenciado, embalagens, prazos de entrega, brindes, fretes reduzidos são apenas alguns exemplos para ganhar destaque.

Sem dúvidas, os marketplaces se tornaram uma excelente ferramenta para que as empresas possam vender online com mais facilidade e menores custos. As vantagens são grandes e as oportunidades são ainda maiores. Portanto, vale a pena avaliar a possibilidade de ingressar nessa modelo de mercado, independente do seu segmento.

Vale lembrar que mesmo que você já tenha um e-commerce, você pode ingressar em um marketplace e aumentar a exposição da sua marca e dos seus produtos.

Gostou da dica? Para ficar por dentro de mais dicas como esta, continue acompanhando o nosso blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *